Mineradoras devem implantar medidas de segurança

Acordo judicial firmado com o MPT prevê também indenização de R$ 2 milhões, a título de recomposição social

Coronel Fabriciano (20.3.2014) - Com o objetivo de garantir a segurança e saúde de trabalhadores envolvidos no processo de mineração, principalmente em relação ao controle de estabilidade de blocos de rochas maciços, a sociedade empresarial formada pela mineração Serras do Oeste e Jaguar Minings Incorporation, firmaram um acordo judicial com o Ministério Público do Trabalho (MPT), no qual se comprometem a adotar, de forma efetiva, procedimentos técnicos e ações preventivas a acidentes no ambiente de trabalho.

Continue Lendo

Imprimir

Liminar obtida pelo MPT impede cobrança irregular de taxas

WS serviços terá que devolver a seus empregados valores cobrados irregularmente nos últimos cinco anos

Coronel Fabriciano (11.2.2014) - A WS Serviços Terceirizados não poderá mais descontar da remuneração dos seus empregados não filiados a sindicatos valores a título de contribuição assistencial, taxa de reversão salarial, taxa de fortalecimento sindical, contribuição confederativa ou quaisquer outros tipos de contribuição neste sentido, segundo a liminar concedida ao Ministério Público do Trabalho (MPT) pela 2ª Vara do Trabalho de Coronel Fabriciano. Caso descumpra a decisão da Justiça, a empresa será penalizada em R$ 500,00 por cada desconto irregular efetuado.

Continue Lendo

Imprimir

Multinacional assina acordo com o MPT para adequar condições de trabalho

Coronel Fabriciano (16.1.2014) - A Aperam Inox América do Sul, multinacional produtora de aço, firmou acordo judicial com o Ministério Público do Trabalho (MPT) para garantir a segurança e preservar a integridade dos mais de três mil trabalhadores da empresa, que estavam expostos a situações de risco, tais como exposição ao calor excessivo e acidentes com maquinário e equipamentos utilizados no labor.

Continue Lendo

Imprimir