Oficina reúne profissionais da educação e da rede de proteção para debate sobre trabalho infantil

Belo Horizonte está sediando nesta quinta e sexta-feira (9 e 10 de maio) a Oficina do Projeto Resgate a Infância – Eixo Educação/2019. Promovido pelo Ministério Público do Trabalho em Minas Gerais (MPT-MG), reúne profissionais da educação e integrantes da rede de proteção, promovendo debates sobre aspectos atuais do trabalho infantil, mitos que envolvem o tema e as piores formas de exploração de crianças e adolescentes. Confira a programação completa da oficina.

Continue Lendo

Imprimir

Acordo judicial assegura direitos de funcionárias gestantes

Empresa terá que garantir estabilidade e proteção contra práticas discriminatórias

Uma empresa do ramo da saúde que atua em Belo Horizonte está obrigada a cumprir medidas que assegurem a proteção dos direitos de empregadas gestantes. A determinação faz parte de um acordo homologado pela 2ª Vara do Trabalho de Betim em uma ação civil pública (ACP) proposta pelo Ministério Público do Trabalho em Minas Gerais (MPT-MG). A ré foi investigada pelo órgão no âmbito de um inquérito civil (IC) em razão de práticas discriminatórias contra empregadas em fase de gestação.

Continue Lendo

Imprimir

Campanha do MPT divulga conquistas dos trabalhadores obtidas pela atuação de sindicatos

"Conheça quem te representa" é o convite feito no mês dedicado à conscientização da importância das boas práticas sindicais, o Maio Lilás

Entre 2012 e 2017, foram registradas mais de 53 mil convenções coletivas de trabalho, que trazem conquistas relativas à remuneração, contratação, condições e relações de trabalho, saúde e segurança do trabalhador e jornada, entre outros direitos. Para apresentar essas conquistas, a campanha do Maio Lilás de 2019, feita pelo Ministério Público do Trabalho, fará um convite aos trabalhadores: "Conheça quem te representa".

Continue Lendo

Imprimir

Vale S.A pagará multa diária de R$ 5 mil por trabalhador, caso não cumpra prazos fixados em audiência nesta quarta-feira, 24

O descumprimento de obrigações já impostas à Vale S.A foi demonstrado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), durante audiência na 5ª Vara do Trabalho de Betim, nesta quarta-feira, 24. A partir de agora a empresa está sujeita ao pagamento de multas, caso não cumpra os prazos fixados, pela Justiça do Trabalho, para a comprovação do integral cumprimento das obrigações de pagar parcelas rescisórias e salários, pagar Auxílio Creche e Educação, prestar Atendimento Médico e Psicológico; emitir Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT).

Continue Lendo

Imprimir

MPT quer compliance na elaboração de Programas de Redução de Riscos no ambiente de trabalho

Prestadores de serviços convidados para audiência tem até 7 de junho para confirmar adesão a termos em SST

Aprimoramento de serviços prestados e da gestão na área de Segurança e Saúde do Trabalho (SST). Esse é um dos assuntos tratados pelo Ministério Público do Trabalho em Minas Gerais (MPT) em audiência que propôs para empresas do segmento a adesão a dois termos de referência sobre Engenharia e Medicina do Trabalho. Os documentos foram finalizados após um trabalho conjunto envolvendo o MPT e parceiros institucionais.

Continue Lendo

Imprimir